Montepio Proteção Outros Encargos

Proteção Encargos Outros é uma modalidade mutualista de proteção vida / invalidez exclusiva para associados da Associação Mutualista Montepio. Permite assegurar o pagamento do Capital Contratado / Subscrito, em caso de morte ou invalidez nas situações de risco cobertas, e aos respetivos beneficiários indicados.

O futuro pode ser protegido, qualquer que seja.

  • Pode optar pela Subscrição associada a um contrato de Crédito (Plano CC - Capital Contratado) ou pelo subscrição de um capital a legar aos beneficiários
  • Garante o pagamento do capital contratado/subscrito em caso de morte, invalidez total e permanente ou absoluta e definitiva
  • Subscrição disponível para associados com idade compreendida entre os 18 e os 66 anos
  • Necessária aprovação médica para a subscrição

O Montepio Geral - Associação Mutualista (MGAM), detentor do capital institucional da Caixa Económica Montepio Geral (CEMG), adverte que a modalidade mutualista Proteção Outros Encargos não é um depósito bancário, não se encontrando abrangida pelo Fundo de Garantia de Depósitos, nem um seguro ou fundo de investimento ou PPR, e que a sua subscrição aos balcões da CEMG, ou através da utilização de outros canais da mesma, advém apenas da utilização desta entidade como rede de distribuição, sendo ambas as entidades independentes, com natureza e regime jurídicos diferentes, nomeadamente a CEMG é uma instituição de crédito, enquanto o MGAM é uma Associação Mutualista regulada em diploma próprio (Decreto Lei nº 72/90, de 3 de março) e demais legislação aplicável, não sendo uma instituição de crédito, nem uma companhia de seguros ou uma sociedade gestora de fundos de investimento/pensões.

Modalidades de Subscrição

Pode subscrever esta modalidade na vertente de Capital Contratado, em conjunto com outro mutuário, ou caso seja fiador, em conjunto com outro fiador, partilhando o capital e havendo lugar à redução em 50% da Quota da Modalidade mensal de valor mais baixo ou, caso sejam iguais, da Quota da Modalidade mensal a pagar pelo Subscritor com menor idade atuarial.

Caso opte pela subscrição com Capital Subscrito, pode subscrever esta modalidade em conjunto com outros membros do seu agregado familiar, partilhando o capital e havendo lugar ao pagamento integral da Quota da Modalidade mais elevada e à redução em 50% de todas as restantes Quotas da Modalidade.

Esta modalidade mutualista é uma cobertura temporária dos riscos de morte, morte e invalidez absoluta e definitiva ou morte e invalidez total e permanente do Associado MGAM, consoante a cobertura subscrita.

A sua subscrição é anual, automaticamente renovável, e sem período de carência, sendo as coberturas válidas, consoante o que ocorrer primeiro, até ao fim do prazo contratado, ou até: - Aos 65 anos atuariais do Associado MGAM, para o risco de invalidez total e permanente (ITP); - Aos 70 anos atuariais do Associado MGAM, para o risco de invalidez absoluta e definitiva IAD); - Aos 80 anos atuariais do Associado MGAM, para o risco de morte. Caso ocorram os riscos cobertos, dentro do período definido, cessa a subscrição e será, à data em que aqueles ocorram: - Liquidado o capital contratado, libertando, assim, o Associado MGAM ou o agregado familiar, na sua falta, do respetivo encargo, no caso da Opção Contrato; - Recebido o capital subscrito pelo Associado MGAM ou pelo(s) seu(s) beneficiário(s) na sua falta, consoante as coberturas subscritas e o risco ocorrido, no caso da Opção Capital.

À data da subscrição da Modalidade Mutualista Proteção – Crédito Habitação, deverádefinir:

- Qual a modalidade de subscrição pretendida;

- Se a subscrição é individual ou efetuada em conjunto por dois Associados MGAM, ou mais, no caso do Plano CS;
- Se pretende efetuar as suas contribuições por quota anual, ou fracionar o pagamento daquela quota ao mês, trimestre, semestre;

No caso do Plano Capital Contratado, subscrever o Capital Contratado, e indicar os beneficiários por morte, podendo indicar os herdeiros legais, do eventual remanescente do capital contratado, após o pagamento à Entidade credora Beneficiária;

Para o Plano Capital Subscrito, definir o prazo, identificar o(s) beneficiário(s) em caso de morte, dado que o beneficiário em caso de invalidez é o próprio Associado MGAM, e subscrever o capital que pretende receber, em caso de invalidez, ou legar, por morte (capital subscrito).

Condições de reembolso antecipado

Em caso de desistência do Subscritor não há lugar ao recebimento de qualquer montante.

Caso ainda não seja nosso Associado, pode solicitar, no momento da subscrição da modalidade, a admissão para se tornar Associado MGAM. Para manter a qualidade de Associado MGAM é necessário manter permanentemente, ativa, uma subscrição de uma qualquer modalidade.

A informação apresentada reporta-se às Subscrições efetuadas desde 4 de novembro de 2013 e não dispensa a leitura da legislação fiscal em vigor em cada ano, da Ficha Técnica da Modalidade Mutualista, dos Estatutos e do Regulamento de Benefícios (Disposições Gerais, Regulamento da Modalidade Mutualista e Glossário) da Associação Mutualista Montepio, que poderá consultar na área de Downloads, estando igualmente disponíveis em qualquer Balcão da Caixa Económica Montepio Geral.

ImprimirTamanho da letraA-A+

Solicite o nosso contacto

 

* Campo de preenchimento obrigatório

**Os dados recolhidos serão processados informaticamente e destinam-se apenas a ser utilizados pela CEMG e Empresas do Grupo. Se necessário poderá ter acesso à informação pessoal, para a corrigir, aditar ou eliminar, mediante contacto com a CEMG.